[RESENHA] O CEIFADOR DE ANJOS - JULIETE VASCONCELOS

Título: O Ceifador de Anjos (A Coleção de Fetos #1)
Autora: Juliete Vasconcelos
Editora: Sekhmet
Páginas: 232
Ano da Publicação: 2017
Nota: 5/5

Sinopse: Ao longo de anos, Los Angeles é assolada por crimes cometidos por um serial killer apelidado pela polícia e pela mídia como Ceifador de Anjos, pois as vítimas escolhidas por ele são mulheres grávidas, de quem foram extraídos seus fetos e levados ninguém sabe para onde, sendo deixado como pista apenas uma escarificação em seus corpos. Os detetives Christopher Lang e Ramona Hale são responsáveis pela investigação, cujo sentimento de frustração se faz presente durante todo o período da busca pela identidade do assassino, seja pela falta de evidências encontradas, como pelas vezes em que foram conduzidos a erros graves, colocando em xeque suas carreiras. Paralelo aos assassinatos, conhecemos a aparente vida perfeita de Vincent Hughes, angelino modelo e biomédico bem-sucedido, casado com a professora universitária Donna Dixon, com quem planeja ter uma família. No entanto, ninguém imagina, muito menos Donna, que o homem perfeito que Vincent se mostra ser, nada mais é que uma máscara usada para esconder o seu segredo, pois ele é o tão temido e procurado Ceifador de Anjos, o psicopata que coleciona fetos. Com um comportamento impecável perante a sociedade, Vincent não atrai nunca qualquer suspeita, mesmo quando o destino acaba por aproximar sua esposa Donna Dixon da esposa do detetive Christopher, Olivia Lang, onde elas se tornam amigas, unidas pelo mesmo desejo de se tornarem mães. Donna estará segura vivendo ao lado do homem que ama? Irá descobrir a identidade secreta do marido? E as razões de Vincent para fazer o que faz?
Você terá todas as respostas ao acompanhar o dia a dia do Ceifador de Anjos.

Desde que vi a capa desse livro, já fiquei bem curiosa pra saber mais sobre ele. Quando a autora Juliete abriu parceria, não pensei duas vezes e me inscrevi. Que bom que passei na seleção, que bom que ela me escolheu!

Em novembro, li um livro com a mesma temática. Bebês sendo arrancados das barrigas de suas mães. Logo que comecei a ler, pensei que se tratava de algo muito parecido e confesso que desanimei um pouco, Mas aí, fui lendo e conforme as páginas iam passando, percebi que O Ceifador de Anjos, ia muito mais além que isso e fiquei mais curiosa ainda pra conhecer a história.

Vincent Hughes é um biomédico bem sucedido, rico, bonito, tem uma namorada que é super apaixonada por ele, frequenta a igreja e tem muitos amigos. Seria tudo perfeito se não fosse por um mero "detalhe", Vincent é um psicopata que mata mulheres grávidas e arranca seu fetos sem a menor piedade.

Logo no início, temos um caso de um casal que morreu em um acidente de carro e acabaram morrendo. A Legista acaba constatando que a mulher estava grávida e teve o feto tirado de sua barriga e foi um incisão bastante precisa, coisa de quem sabia o que estava fazendo.

Como não foram encontradas digitais e nada que pudesse levar a um suposto criminoso, o caso foi arquivado. Só que um tempo depois o mesmo crime volta a acontecer e junto do novo caso esse antigo é reaberto para mais investigações.

Enquanto a polícia investiga quem possa estar matando mulheres para tirar seus fetos. Donna está feliz ao lado de Vincent, cada dia que passa ela está mais apaixonada por esse homem compreensível, carinhoso, educado, amoroso. Ela acredita fielmente que está prestes a se casar com o melhor homem do mundo, uma pessoa incapaz de fazer mal ao próximo.

Será que Donna algum dia descobrirá quem é o verdadeiro Vincent? Será que veremos sua máscara de bom moço caindo? 

Foi uma leitura incrível, dessas que não conseguimos largar. A autora escreve super bem e faz com que os leitores embarquem literalmente na leitura. Os personagens foram muito bem construídos e conforme vamos lendo sobre eles vamos nos afeiçoando. 

Fiquei com o coração apertado várias vezes durante a leitura e torcia muito para que cada vítima de Vincent conseguisse fugir. É um livro policial muito bem escrito e super instigante. A lição que esse livro deixa é que as aparências enganam e muito!

Super recomendo e já quero/preciso ler o próximo!!!

Beijos,
Grazi

2 comentários:

Resenhas