[RESENHA] NOSSA MÚSICA - DANI ATKINS

Título: Nossa Música
Autora: Dani Atkins
Editora: Arqueiro 
Páginas: 368 
Ano da Publicação: 2017
Nota: 5/5

Sinopse: Ally e Charlotte poderiam ter sido grandes amigas se David nunca tivesse entrado em suas vidas. Mas ele entrou e, depois de ser o primeiro grande amor (e também a primeira grande desilusão) de Ally, casou-se com Charlotte. Oito anos depois do último encontro, o que Ally menos deseja é rever o ex e sua bela esposa. Porém, o destino tem planos diferentes e, ao longo de uma noite decisiva, as duas mulheres se reencontram na sala de espera de um hospital, temendo pela vida de seus maridos. Diante de incertezas que achavam ter vencido, elas precisarão repensar antigas decisões e superar o passado para salvar aqueles que amam. Com a delicadeza tão presente em seus livros, Dani Atkins mais uma vez nos traz uma história de emoções à flor da pele, um drama familiar comovente que não deixará nenhum leitor indiferente.

Que leitura maravilhosa, que livro incrível! Não imaginava que Nossa Música se tornaria um dos meus livros favoritos do ano. Quem sabe da vida!

O livro me pegou desde as primeiras páginas, não foi uma leitura rápida para mim, pois tive que digerir muitas passagens. É um drama familiar, é uma leitura densa e de certa forma difícil. Demorei mais ou menos uma semana para finalizar e quando terminei de ler achei que nunca mais pararia de chorar.

Nossa Música vai falar sobre amor, amizade, perdas e mágoas. O livro é intercalado entre o passado e o presente e vai ser narrado por duas amigas que agora depois de oito anos, se tornaram "inimigas", tudo por conta de uma pessoa, David, que no passado era o grande amor de Ally e agora se encontra casado com Charlotte.

David e Ally se conheceram em um baile de formatura e pode se dizer que foi amor a primeira vista. Eles eram o casal que muitos invejavam, apesar de terem muitas brigas, o amor era sentido de longe. Quem olhava para os dois juntos, via seus olhos brilhando. 

Ally achava que David ficaria ao seu lado para sempre, se casariam, teriam filhos e envelheceriam juntos. Ela pensava assim, ate Charlotte entrar em suas vidas. O que Ally não sabia é que aquela loira linda, já tinha entrado na vida de David há um tempo atrás. Para ele não tinha sido nada demais, já para Charlotte, não tinha mais volta, já estava apaixonada.

“Parece que algo, como um arame farpado invisível, nos mantém amarrados todos juntos. Você acha que já passou, acha que está livre, mas, se correr muito na direção oposta…bem, ele corta você.”

Depois de ser trocada por Charlotte por causa de uma briga boba de casal, de um grande mal entendido e de ver seu futuro ao lado do homem que amava ir por água abaixo. Ally agora tem uma família, um filho lindo e um marido excepcional, Joe. Eles formam uma família linda e Ally não poderia imaginar um marido melhor para ela. 

Joe é um ser de outro mundo, podemos chamá-lo de anjo. Super dedicado, um pai amoroso e um marido capaz de fazer qualquer coisa pela esposa. Fiquei apaixonada por ele. Fiquei encantada com a forma como ele cuidava da família. 

Charlotte conseguiu o que sonhou desde o primeiro beijo que deu em David, está casada com ele, são apaixonados e vivem uma vida plena e feliz. Tudo que ela queria! 

Ally e Charlotte se encontram novamente oito anos depois, em um lugar que elas jamais imaginariam se encontrar, em um hospital. Tanto Joe quanto David, se encontram ali, hospitalizados em uma UTI e seus estados de saúde não são nada bons.

“Exatamente ali, sentada no escuro, esperando para saber se o homem que eu amava iria resistir até a manhã seguinte. A única pergunta era… qual deles?”

Agora as duas estão ali, no mesmo local e sofrendo as mesmas angustias. O passado das duas vem em lembranças que nos prende, que nos faz ficar com o coração cada vez mais apertado e que nos leva as lágrimas por diversas vezes. 

Ally virou minha personagem preferida, tão forte, tão segura, tão mãe e esposa, tão mulher. Torci demais por ela e Joe. Chorei demais por tudo. estou chorando agora escrevendo essa resenha. Se tem um livro que me tocou, esse livro é Nossa Música

Esse foi o primeiro livro que li da autora, quero muito ler Uma Curva no Tempo. Fiquei encantada com a forma que a autora consegue nos fazer entrar na história, parecia real, parecia que eu estava lá, sofrendo e recordando o passado junto com a duas. 

Se você gosta de dramas, romance, um livro que os personagens precisam fazer escolhas e principalmente, se você gosta de chorar, pode ler Nossa Música.

Beijos,
Grazi 

0 comentários:

Postar um comentário

Resenhas