[RESENHA] UM EDUARD - LUCIANO QUEMELLO

Título: Um Eduard (+18)
Autor: Luciano Quemello
Editora: Papirum
Páginas: 173
Ano da Publicação: 2017
Nota: 5/5

Sinopse: “Um homem atormentado e uma psicóloga são os personagens centrais de uma obra que trata dos conflitos contemporâneos, sejam os amorosos ou os superficiais, numa época em que o encantar-se, o apaixonar-se, o gostar e o amar se confundem. O livro traz à tona a reflexão sobre o medo de acreditar na existência de alguém ideal para se envolver, os encontros e desencontros com corações de isopor e as cansativas paixões de porcelana, quase sempre influenciadas pelas redes sociais e pelos aplicativos de conversas.”


Quando fiz parceria com o autor, não imaginava a surpresa gostosa que me reservava ao ler Um Eduard.
No momento em que conhecemos Eduard, ele é um cara mulherengo, adora frequentar prostíbulos e vive praticamente bêbado. 

Eduard não tem casa, dorme em hotéis, na maioria das vezes com  garotas de programa.
Sendo assim, já imaginamos um personagem totalmente perdido na vida, um cara que não quer saber de nada a não ser levar a vida na orgia.

A história de Eduard, começa exatamente um dia após ele gastar praticamente tudo o que tinha com duas garotas de programa em um hotel com bebidas e muito sexo. Era o dia em que ele teria sua primeira sessão de terapia com a doutora Clarie. Antes de ir para o consultório, Eduard passa em uma padaria para comer algo, tentar acordar. É nesse ponto que sua história se entrelaça com Claire e é aí que ambos tem a vida mudada.

Claire, não imaginava que ao invés de ajudar o paciente, seria o paciente que a ajudaria.
Entre uma sessão e outra, um desabafo de Eduard sobre sua vida sem sentido e as leituras que a doutora Claire faz das suas histórias com as mulheres que já passaram em sua vida, que Eduard faz em uma caderneta, Clarie tem sua vida mudada e quem a ajuda é Eduard. 

Gostei muito da leitura, o personagem perdido que busca ajuda, mas na verdade quer ajudar, foi genial. 
O livro vai ter continuação e sinceramente, não vejo a hora de poder ler. Saber o que aconteceu com Eduard. Aquele final, me matou.

Indico demais (para maiores de 18 anos) esse livro fantástico. Um Eduard vai fazer você embarcar nas aventuras de um cara solitário que está perdido na vida e claro, ele não está assim sem motivo, por trás dessa vida boêmia tem um porquê. 

O livro vai abordar depressão, prostituição, muita bebida e vários assuntos conflituosos.
Achei uma leitura incrível e claro estou torcendo muito por Eduard que conseguiu ganhar meu coração.

Beijos,
Grazi

0 comentários:

Postar um comentário

Resenhas