SÉRIE #GIRLBOSS É O MEU MAIS NOVO VÍCIO



Olá pessoal!

Hoje vim contar pra vocês, qual é a série que está me fazendo largar tudo pra assistir. Meu mais novo vício é #GirlBoss, só não assisti tudo de uma só vez, por que tenho um filho pequeno ao qual também dou atenção (kkkk).

Brincadeiras à parte, #GirlBoss é uma série perfeita, vicia mesmo, faz você querer ver um episódio atrás do outro.

♥♥♥

Sophia Amoruso, autora do best-seller "#GirlBoss" e fundadora da marca Nasty Gal, que recentemente declarou falência, ganhou uma série na "Netflix" que estreiou dia 21/04. 

A série "GirlBoss" retrata o início de tudo, quando Sophia ainda estava descobrindo o mercado de e-commerce, era uma rebelde sem dinheiro e tinha um "complexo de Peter Pan". No decorrer da série, a protagonista revela as dificuldades de ser chefe de uma empresa e da sua própria vida. 

Após escrever o livro #Girlboss, Sophia criou a Girlboss Foundation, onde ajuda várias mulheres inovadoras do mundo inteiro com suas criações. O destaque foi tanto que a atriz Charlize Theron resolveu produzir a série e chamar a Netflix para entrar nesse projeto.

Britt Robertson foi a escolhida para interpretar a empresária e até RuPaul faz algumas aparições na série como o hilário Lionel. Vale muito a pena conferir esse novo lançamento!


Nasty Gal nasceu em 2006, no laptop de Sophia Amoruso, (autora do best-seller #GIRLBOSS), no apartamento do seu ex-namorado, em Los Angeles. A marca começou como uma loja virtual no eBay e aos poucos se consolidou como um e-commerce superpotente. Em 2014, Nasty Gal abriu o seu primeiro espaço físico, em L.A, e em 2015 lucrou US$ 300 milhões em vendas (na loja virtual e física), segundo "Forbes".

Em janeiro de 2015, Amoruso deixou o cargo de CEO para se tornar presidente executiva, cuidando somente dos departamentos de criação e marketing da grife. Dessa forma, Sheree Waterson, ex-diretora de produto da Lululemon, assumiu o título de CEO.

0 comentários:

Postar um comentário

Resenhas