[RESENHA] O ORFANATO DA SRTA. PEREGRINE PARA CRIANÇAS PECULIARES - RANSOM RIGGS


Olá pessoal!

Hoje venho trazer para vocês a resenha do livro O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares, de Ransom Riggs. O livro faz parte da leitura do mês de Março das #parceirasdealmasliterárias, o gênero escolhido foi Fantasia ou sobre Guerras.

Quando fiquei ansiosa para ler Crianças Peculiares, juro, imaginei uma história completamente diferente da que encontrei. Fiquei bem surpresa e feliz! ;)

♥♥♥

Título: O Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares
Autor: Ransom Riggs
Editora: Leya
Páginas: 336
Ano: 2015
Nota: 5/5

Sinopse: Tudo está à espera para ser descoberto em "O orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares", um romance que tenta misturar ficção e fotografia. A história começa com uma tragédia familiar que lança Jacob, um rapaz de 16 anos, em uma jornada até uma ilha remota na costa do País de Gales, onde descobre as ruínas do Orfanato da Srta. Peregrine para Crianças Peculiares. Enquanto Jacob explora os quartos e corredores abandonados, fica claro que as crianças do orfanato são muito mais do que simplesmente peculiares. Elas podem ter sido perigosas e confinadas na ilha deserta por um bom motivo. E, de algum modo - por mais impossível que possa parecer - ainda podem estar vivas.

A capa do livro nos passa uma leitura de terror/suspense. As fotografias então nem se fala. E foi por isso, que quis muito ter e ler esse livro. Quando comecei a ler e vi que se travava de um gênero bem diferente do qual eu imaginava, não me frustei e muito menos pensei em abandonar o livro, eu já havia me apaixonado pela história, já estava muito envolvida e não conseguia mais largar o livro.

"Essa era a terrível verdade da qual meu avô tentara me proteger."

Jacob cresceu ouvindo as histórias de seu avó Abe Portman, que sempre disse que precisou deixar a família na Polônia, durante a Segunda Guerra Mundial e embarcar para um orfanato situado em uma ilha no País de Gales. O fato é que Jacob sempre teve dúvidas, se as histórias contadas por seu avô sobre as crianças diferentes que ele conhecia nesse orfanato, eram verdadeiras.

Depois que seu avô faleceu de uma forma estranha, Jacob começou a questionar se tudo o que seu avô contava sobre monstros, crianças diferentes e sobre a Srta. Peregrine era verdade. Ele resolve então ir até a ilha em buscas de respostas, e é aí que toda a aventura começa.

“Mas o que eu realmente achei assustador não foram as bonecas zumbis ou os cortes de cabelo estranhos das crianças ou como elas pareciam não sorrir nunca: quanto mais examinava as fotos, mais familiares me pareciam.” 

Não leio quase nada de fantasias, gosto mais de romances. O negócio é que depois de li esse livro, minha vontade de ler só fantasias cresceu muito. Estou muito, muito ansiosa para ler as continuações e não sei se quero ver a adaptação, pois já ouvi que não é tão bom assim.

O livro conseguiu me prender muito, mas somente depois do segundo capítulo. Nos dois primeiros, queria largar de lado e partir para outro livro. Como sou teimosa e não gosto de abandonar livros assim logo no começo, insisti e graças a Deus fiz isso, me encantei com a história e com a forma que o Ransom escreve. A diagramação está perfeita e essas fotografias dão um ar misterioso e fantástico ao livro. 

“O etéreo usou duas de suas línguas para se agarrar às paredes da entrada do túnel e usá-las como apoio para evitar a lama, e cobriu a entrada com o corpo como se fosse a tampa de um vidro. A terceira língua me puxava em sua direção. Eu estava igual a um peixe fisgado por um anzol.” 

Para quem quer uma boa aventura e uma ótima fantasia, pode sem sombra de dúvida ler O Orfanato, que não irá ser arrepender. ;)

4 comentários:

  1. O lar da srta. Peregrine para crianças peculiares é um livro tão amor! Sou apaixonada pela trilogia e fiquei feliz em saber que você gostou do livro ^^
    O segundo e o terceiro são ainda melhores!!

    Beijos,
    www.crescendoemflor.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa Maria, me surpreendi muito, não espera gostar tanto assim.
      Já quero muito o segundo e o terceiro! ;)

      Beijos.

      Excluir
  2. Eu também gostei bastante desse livro, Grazi. Achei o início e o mistério das fotos bem legal.. A leitura prende bastante. Do meio pro fim achei que os personagens se perderam um pouco, mas isso não fez do livro ruim. Gostei bastante e quero muito ler os outros 2 livros ainda esse ano. Já ouvi dizer que são ainda melhores. Achei o autor bem criativo, né!? Nunca tinha lido nada assim.

    Adorei a resenha!!
    Beijos,

    Jocasta Vilela
    www.curtaleitura.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu amei!
      Achei que era uma coisa e me surpreendi muito com a história contada.
      Muito, muito ansiosa pelos outros dois.
      Realmente o autor foi muito criativo, parabéns para ele! ;)

      Beijos! ♥

      Excluir

Resenhas