[Resenha] Por Que Eu? - Sinélia Peixoto

Sinopse: Elizabeth é uma mulher de 28 anos, de Brasília, que decide começar o ano de 2013 de forma diferente. Estagnada? Podemos dizer que sim. Sem perspectiva de mudanças? Também! Ela busca algo melhor para si, por isso vai a Porto Seguro passar o reveillon com as amigas para encerrar uma fase de sua vida e dar início à outra, mais adulta e com muitos desafios. Lá, ela conhece Antônio, um advogado também de Brasília. Eles curtem juntos e quando voltam a Brasília começam um romance. Elizabeth está se descobrindo. Ela pede demissão de seu emprego e começa se dedicando aos cursinhos para concurso. Antônio já é estável e independente. Quem é ela? Ela se pergunta e comparada a ele, ela se acha um Zé Ninguém. Ela se sente perdida em meio à tudo que tem que aprender e descobrir sozinha. Ela é uma pessoa honesta e sincera consigo mesma; luta para se analisar e se entender sempre; ele quer ajudá-la profissionalmente. Ele quer mais! Ela luta contra ele, tenta não se entregar, luta para ser honesta consigo mesma e aprender mais sobre si mesma sempre. Eles se casam, apesar de Elizabeth colocar empecilhos e juntos têm dois filhos. O primeiro livro desta trilogia é sobre esse primeiro momento, no qual os dois estão se descobrindo, ela buscando se profissionalizar, ele aprendendo com ela a se abrir mais, se conhecer, a filosofar, a analisar sua vida, seus pensamentos e a ser honesto consigo mesmo. Os dois buscando um relacionamento cada dia melhor, aprendendo sobre o casamento e também buscando o que os satisfaça sexualmente. Eles se dedicam muito à vida sexual do casal, aprendem sobre o corpo do outro, sobre os gostos do outro; se conhecem e melhoram juntos, com carinho, dedicação e atenção. É um livro no qual Elizabeth discute muito consigo mesma, tenta entender suas neuroses, tenta se descobrir sexualmente e descobrir como é o casamento, a gravidez, a vida a dois e sua luta por melhoria profissional. Com um final muito triste e cheio de esperanças para o próximo livro.

Sabe aquele tipo de leitura que te prende do início ao fim? Por Que Eu? foi exatamente assim. Desde a primeira página, me vi exatamente na pele de Elizabeth. Uma mulher que busca sua felicidade, busca estabilidade e uma família, um amor pra chamar de seu, em todos os sentidos.

Há quatro anos sem namorar, sem sexo e no mesmo emprego. Beth, decide que no próximo ano, ela mudará completamente sua vida pacata. Encontrará um amor, pedirá demissão e estudará para concurso, entrará em uma academia, mas o que ela mais almeja realmente é um grande amor.

"A heroína de hoje é aquela que batalha e não tem medo de ficar sozinha e conquistar tudo com ou sem seu homem..."


Existe melhor dia e hora para esse desejo ser realizado do que na virada do ano, na praia, olhando para o céu? Então, Beth encontra seu amor (que ela acha que será apenas uma noite) na virada de 2012 para 2013 em Porto Seguro. Antônio, um advogado, alto, olhos claros, forte. Um homem perfeito né? E ele é perfeito! E como se não bastasse ser tudo isso e gostar de Beth desde a primeira vez que a viu, ele ainda mora em Brasília, mesmo local que Beth mora. Muito bom né? Destino mesmo!

Quando eles se reencontram em Brasília, aquela chama que tinha se acendido em Porto Seguro, continua acesa, mas Beth ainda luta contra. Medo, insegurança? Talvez. Mesmo já amando tudo em Antônio, ela se finge de desentendida e faz charme para que ele não note tudo que está acontecendo. Mas como o amor sempre acaba falando mais alto, ela cede a todo encanto de Antônio e eles acabam namorando e por ser o homem perfeito, ele a apoia em todas as decisões, inclusive a ajuda na escolha de trocar um emprego estável por estudar para concursos.

"A felicidade é uma decisão... Se conseguir ser sempre carinhosa e amorosa, o resto vem fácil. Ame-o e só!"

Como o amor dos dois é verdadeiro e muito forte, em menos de um ano os dois já estão casados e logo surge o primeiro filho. Mesmo feliz com a gravidez, Beth não deixa de pensar no tempo que irá perder com os estudos. Casamento perfeito, chama super acesa desde a primeira vez que se viram. Filha com um ano, eis que Beth fica grávida de novo e mais uma vez a dúvida paira na cabeça dela, agora que ela poderia passar em uma prova, ajudar o marido, ela fica grávida de novo?

Mesmo com dois filhos o sexo entre os dois é intenso, eles sempre dão um jeito de nunca caírem na monotonia, são brinquedinhos, palavras e gestos que ajudam muito no relacionamento dos dois e isso não deixa de ser uma aula, um incentivo para todas as mulheres casadas, que acham que não podem mais "brincar" com os maridos só por que já tem filhos e isso pode "atrapalhar".


A história da Beth me ajudou bastante, talvez você não saiba, mas eu tenho um filho, sou casada e  lendo esse livro, pude ver o quanto somos parecidas e o quanto eu poderia mudar para meu casamento ser melhor. Nada como um livro que nos traga uma mulher real, cheia das suas neuroses com seu corpo, uma mulher que tem medo de várias coisas. Você se identifica em vários pontos com ela e isso é o que faz o livro ser muito bom. Diferente dos livros onde a mocinha é perfeita, não tem problemas  e é tudo lindo. No livro Por Que Eu? Sinélia nos mostra a realidade, como realmente as coisas acontecem e isso me fascinou. 

Amei o livro do início ao fim. E que fim... Aff! Sinélia, necessito da sequência urgentemente. Terminei a leitura com lágrimas nos olhos e super ansiosa para saber o que irá acontecer.


Título Por Que Eu?// Autora Sinélia Peixoto// Editora Chiado// Páginas 496// Minha Classificação 5/5

2 comentários:

  1. Adorei a resenha. Fico feliz que tenha gostado. Obrigada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu que agradeço pela oportunidade de ter lido um livro tão bom.

      Beijos.

      Excluir

Resenhas